Iluminação Interna

Iluminação Interna

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraIluminação Interna

A iluminação interna pode nem sempre ser o ponto ao qual mais damos atenção no projeto da casa, mas é um dos mais importantes. Com a luz ideal é possível separar cômodos, destacar pontos importantes da casa como quadros e plantas, ampliar ambientes pequenos e aconchegar ambientes grandes. Uma boa iluminação interna também é capaz de destacar as cores da decoração de cada espaço e facilitar as atividades do dia a dia como cozinhar, ler um livro, assistir TV ou se maquiar.

Fazem parte de uma iluminação interna ideal luminárias, abajures, lâmpadas e outros acessórios como o dimmer, e interruptor, tendo que se levar em consideração três tipos de iluminação. Confira nesta página do Westwing as dicas e maneiras ideais para criar a iluminação interna de cada cômodo a partir das necessidades diárias que cada ambiente apresenta, para que você aproveite seus momentos em casa ao máximo.

Tipos de iluminação

Existem três tipos básicos para se criar a iluminação interna de uma casa. A iluminação direta, a indireta e a de trabalho. Tendo em mente esses três aspectos e combinando-os de acordo com o ambiente, a iluminação interna de sua casa não terá erro. A dica é misturar luzes de baixo contraste com luzes de alto contraste, criando um ambiente com iluminação flexível, podendo atender tanto a trabalhos e na hora de receber visitas, como nos momentos em que se pede uma luz intima, como na hora de relaxar e assistir um filme.

Iluminação interna para cada cômodo

A iluminação interna deve ser feita de formas diferentes em cada cômodo, pois cada parte da casa pede um tipo de iluminação diferente. No caso dos quartos, a iluminação interna deve passar um ar de tranquilidade, para isso prefira uma luz de teto suave e abajures, que deixam o ambiente mais aconchegante. Na sala de TV a iluminação interna deve ser feita sutilmente, pois é um ambiente que não pede muita luz. Por isso, prefira luminárias simples, como os abajures e luminárias de piso, que contribuem deixando o ambiente mais agradável. Na cozinha é comum que a iluminação interna seja feita com lâmpadas fluorescentes, pois por ser um espaço que demanda muita luz. Esse tipo de iluminação clareia e economiza energia. O banheiro também é um ambiente que precisa de muita iluminação. Para ele, prefira lâmpadas de alta luminosidade, podendo usar a mistura de incandescente com fluorescente para criar uma iluminação natural. No escritório e locais de trabalho, a iluminação interna é de extrema importância para evitar que nossa vista seja forçada e garantir atenção e conforto. Escolha uma luminária de luz direta, mas que não seja cansativa e que ilumine o cômodo inteiro.

Próximas campanhas