• Jean Nouvel

    Arquiteto arrojado e original, Jean Nouvel tornou-se ícone da arquitetura francesa há cerca de 40 anos, quando iniciou suas atividades na área. Amante das artes desde a adolescência, o profissional figura mundialmente como um dos mais respeitados nomes da era contemporânea. Considerado inovador e à frente de seu tempo, Jean Nouvel é reconhecido, principalmente, por suas obras ousadas e monumentais, muitas responsáveis pelos prêmios por ele conquistados, além de influenciar jovens arquitetos e designers.

    Jean Nouvel | westwing.com.br

    Formado pela Escola de Belas Artes de Paris, Jean Nouvel teve como uma de suas principais bases o trabalho ao lado de Claude Parent, renomado arquiteto modernista, vindo daí seu caráter profissional contemporâneo e, por vezes, audacioso. A atuação de Jean Nouvel foi marcante não apenas na construção de projetos futuristas, mas na representação de importantes movimentos para a arquitetura de sua época. A seguir, o Westwing conta sua história de vida. Acompanhe e inspire-se!

    Compre agora com até 70% off:

    A TRAJETÓRIA PROFISSIONAL DE JEAN NOUVEL

    Foi em 1970, quando criou seu primeiro atelier com Franços Seigneur, que Jean Nouvel deu início à sua carreira como futuro renomado arquiteto. Seu trabalho começou com a concepção de um conjunto de projetos discretos de estilo eclético e traços cenográficos, elaborados com o objetivo de experimentar diferentes linguagens. A partir daí, Jean Nouvel não parou mais de crescer.

    Marcas dos projetos executados por Jean Nouvel, seu forte vínculo com as artes plásticas e com o teatro foram e continuam sendo as grandes influências do francês durante sua atuação. Outra característica do modo como Jean Nouvel atua é seu estilo sutilmente linear, sem interferências externas e com elementos próprios repetidos em cada um de seus projetos, mas capazes de transformar suas obras em criações únicas.

    Rapidez, versatilidade, qualidade e produção em grandes volumes são os atributos que mais podem ser percebidos na maneira como Jean Nouvel projeta, conquistadas por meio de um trabalho sério e desenvolvido com base em observações intensas, extrema concentração e estudo do local onde a obra será construída, vinda daí sua fama como “arquiteto da reflexão”.

    O ARQUITETO DA LUZ

    O alicerce dos contextos construtivos de Jean Nouvel é a luminosidade dos ambientes, vista pelo profissional como solução e elemento essencial para a concretização de excelentes projetos. É por isso que os edifícios por Jean Nouvel construídos são baseados em aspectos como o dia e a noite, o clima e as estações do ano que, quando apresentam variáveis, criam diferentes percepções e jogos de luzes únicos.

    JEAN NOUVEL: OBRAS DE SUCESSO

    Além de edificações, empreendimentos urbanísticos e grandes estruturas, a trajetória de Jean Nouvel como arquiteto conta com importantes criações paralelas, como projetos de design de interiores, mobiliários, utensílios domésticos, acessórios de decoração e mobílias urbanas, todos marcados por seu caráter minimalista, pela atenção aos detalhes, o toque poético e a integração com a natureza.

    Dos mais de 200 projetos criados e executados por Jean Nouvel pelo mundo, o Musée du Quai Branly, a renovação do teatro de Belfort e do Centro Cultural La Coupole, a construção do  Instituto do Mundo Árabe, os edifícios Nemausus, a ampliação da Ópera de Lyon e a mais recente criação parisiense Torre Signal ou Torre Sem Fim são seus trabalhos mais significantes e conhecidos.

    O Brasil também já contou com o talento de Jean Nouvel, quando projetou a Cidade das Artes, do Pier Mauá, e revitalizou a área portuária do Rio de Janeiro, deixando em nosso país sua marca diversificada e surpreendente.