Poltrona Barcelona

Poltrona Barcelona

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraPoltrona Barcelona

A poltrona Barcelona tem uma história muito interessante por trás de sua beleza. Você sabia que ela foi feita para servir de trono a um rei? Isso mesmo! Ela foi desenhada pelo arquiteto Mies Van der Rohe para o Pavilhão Alemão da Exposição Internacional de Barcelona de 1929 com a intenção de acomodar o Rei Alfonso XIII e a sua esposa Edna. O projeto também teve a participação de sua sócia Lilly Reich.

Majestosa, a poltrona Barcelona tem um design simples, mas gracioso, imponente e incomparável. Ela cai perfeitamente bem em qualquer ambiente, se firmando como peça de destaque, funcional e decorativa. Não tem como não parar para apreciar a beleza do seu design. Esta criação de Mies Van der Rohe foi tão importante, que a poltrona Barcelona é sinônimo de beleza e sofisticação até hoje. O Westwing quer te contar um pouco mais dessa história.

Poltrona Barcelona: de Trono de um rei à Peça de Decoração

A poltrona barcelona original feita por Mies Van der Rohe para o Rei Alfonso XIII na Exposição Internacional de Barcelona, em 1929, era feita de parafusos e tinha um estofado feito de couro na cor branca. A sua ideia era que a poltrona fosse monumental e marcasse presença no ambiente. Segundo sua descrição sobre o que esperava da poltrona é que ela deveria abrir-se ao ocupante sob o peso de seu corpo, as costas deveriam inclinar-se e o assento afundar-se. Uma descrição tão majestosa quanto a poltrona. Para a exposição foram usadas duas poltronas Barcelona de couro branco em frente a uma parede de ônix cor de mel, dando ao Pavilhão um ar de autoridade. Vale lembrar também que Mies Van der Rohe foi responsável pelo projeto da exposição como um todo, desde a arquitetura do prédio aos móveis que fariam parte dele.

De Barcelona para o Mundo

O sucesso foi tão grande que a poltrona Barcelona passou a ser feita em larga escala. Entre 1930 e 1950, foi fabricada nos Estados Unidos, Espanha e Alemanha. Já a partir de 1950 a poltrona passou a ter o seu design mais parecido com o de hoje com uma estrutura de inox e sem nenhuma emenda ou parafusos. Após a morte de sua sócia Lilly Reich, Van der Rohe passou os direitos de fabricação à empresa Knoll, responsável pelo design de móveis.
Não tem como passar despercebido por uma poltrona Barcelona. Você já escolheu a sua?

Próximas campanhas