Cachepot Artesanal

Cachepot Artesanal

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraCachepot Artesanal

O artesanato tem atendido ao gosto de moradores e à decoração de muitas residências atuais, especialmente aquelas que não abrem mão de adornar com peças delicadas, sustentáveis e que imprimam um toque particularmente rústico. São inúmeras opções, desde utensílios domésticos até objetos decorativos e para todos os ambientes do lar, sejam eles internos e externos. Um bom modelo, usado com cada vez mais frequência, é o charmoso cachepot artesanal.

Criado por meio de diferentes técnicas e materiais, o cachepot artesanal não contribui apenas com a proteção de vaso, flores e superfícies – no caso destas, para que não entrem em contato com a água –, como também ajuda a levar a natureza para dentro de casa. A peça confere estilo e decoração, já que seus estéticos modelos servem como lindos adornos. Se, assim como o Westwing, você é um admirador do cachepot artesanal, inspire-se com nossas dicas e tenha o seu!

Como Fazer um Cachepot Artesanal

Desde que o DIY (“faça você mesmo”, em inglês) chegou no universo do design, muitas peças utilitárias e de decoração passaram a ser criadas pelos próprios moradores que, além de terem acesso a métodos simples e materiais reutilizados, garantem ao lar um décor personalizado e gracioso. O cachepot artesanal, por exemplo, é uma excelente alternativa.

Para a criação de um cachepot artesanal, várias são as opções de material, tamanho, formato, cor, estilo e acabamento, como é possível perceber nos exemplos a seguir. Neste caso, a forma e dimensão do objeto dependem das necessidades e preferências do usuário.

Cachepot de MDF: fácil de encontrar e um dos modelos de cachepot artesanal mais utilizados, ele pode ser comprado já montado e “cru”, sendo que o trabalho manual, bem como o seu caráter rústico, ficam por conta dos efeitos, decorações e customização dados à peça. Para o cachepot artesanal de MDF, algumas sugestões de adorno e acabamento são a lixação; a pintura com tinta acrílica e/ou decorativa; as rachaduras em esmalte ou verniz; e o betume.

Cahepot Artesanal de Vime

Cachepot de papel: esta opção de cachepot artesanal pode tanto ser usada para o apoio de vasos como suporte em festas. Uma ideia bastante prática é a que utiliza materiais simples, como bexiga, pincel, cola branca, folhas de jornal e guardanapos. Para criar o cachepot artesanal de papel, basta misturar a cola à mesma quantidade de água, rasgar o jornal em vários pedaços –formando um papel machê – e colá-los na bexiga cheia, deixando apenas a ponta de fora.

Depois de bem seca, cubra a peça colando quatro camadas de guardanapo. Espere secar bem novamente e, então, fure o balão com cuidado e retire-o de dentro da peça. Após esse processo, recorte seu topo para que seja formada sua entrada e cole mais pedacinhos de guardanapo para dar o acabamento. Amasse o fundo do cachepot artesanal de papel para que ele pare em pé. A decoração pode ser feita com pintura, outros tipos de colagem, texturas ou que a sua criatividade mandar!

Decoração com Cachepot Artesanal

Na hora de utilizar o seu cachepot artesanal, lembre-se de avaliar o local onde ele será colocado, uma vez que a durabilidade e conservação do material estão diretamente ligadas ao fato de a área ser interna ou externa. Além dos cachepots artesanais por nós sugeridos, existem os modelos que podem ser feitos com papelão, garrafa PET, tecido, cimento ou trançados de vime.

Outra dica importante é retirar o vaso do cachepot artesanal antes das regas, ação que evita o acúmulo de água e o aparecimento de fungos. Independentemente do estilo do seu décor, o cachepot artesanal certamente oferecerá uma decoração rústica e charmosa aos cômodos. Adote-o e comprove!

Westwing: O Extraordinário Mundo da Sua Casa!

Próximas campanhas