O bê-a-bá da roupa de cama

Tudo o que você precisa saber na hora de montar sua cama – dos sonhos

 

Depois de um dia cheio, não existe nada melhor do que recarregar as energias em uma cama superaconchegante. Para que ela seja uma grande aliada das noites de sono, é preciso escolher com cuidado cada peça que fará parte da composição.

Pensando nisso, o Westwing reuniu informações essenciais para ajudar você na missão de transformar sua cama num refúgio perfeito.  Você vai adorar – e se surpreender!

Conheça os tipos de lençóis e tecidos

Na hora de procurar o lençol ideal, uma ótima opção é apostar nos jogos de cama, compostos por lençol inferior, lençol superior e fronhas. Eles são as peças-chaves da cama e contribuem com o décor, já que costumam combinar entre si.

lençol, tipos de lençóis, cama all white | westwing.com.br

Lençol inferior

Ele costuma ser liso (sem estampas) e já vir com elástico nas bordas para melhor aderência ao colchão. Além disso, como é a peça que tem maior contato com o corpo, é essencial que seja confeccionada em tecidos de qualidade. 

Lençol superior

Sua função é mais decorativa e, geralmente coordenado com as fronhas, pode ganhar estampas e bordados, que deixam o quarto ainda mais charmoso.

Quantidade de fios  

Em geral, os jogos de lençóis trazem informações sobre a quantidade de fios, que podem variar de 180 a mais de 600 fios. Essa medida é calculada pela quantidade de fios em cada polegada do tecido e, ao contrário do que muitos pensam, ela não determina necessariamente a maciez do tecido. O toque macio e delicado vem do tratamento da fibra e do acabamento. Conheça alguns tipos:

– Percal: de origem natural e produzido a partir de fibra 100% algodão, o percal varia em sua quantidade de fios, que deve ser acima de 180. Sua trama é mais fechada, o que faz com que seu tecido seja fino, mas denso. Por isso, é macio, resistente e aconchegante.

– Cetim: um tecido de aspecto brilhante, liso, obtido a partir de flutuações dos fios de urdume. O entrelaçamento dos fios produz efeito brilhante na frente e opaco no verso, resultando em peças nobres, confortáveis, macias e aconchegantes. O plus desse tipo de tecido é que ele não absorve a hidratação do cabelo, evitando frizz e queda dos fios (uau!).

– Seda: nobre e natural, é feito com fios produzidos pelo bicho-da-seda. Além de maciez e beleza, é condutor térmico, o que faz com que seja quente no inverno e frio no verão.

– Algodão egípcio: como o nome diz, sua espécie tem origem no Egito, cultivado em condições favoráveis de solo e clima. Possui fibras longas, finas e de alta qualidade, que resultam em um tecido mais brilhante e macio, que não produz bolinhas.

– Linho: fibra de origem vegetal procedente do talo do linho, tem um aspecto mais rústico. É uma fibra forte, e seus tecidos são duráveis e facilmente laváveis.

percal, linho e seda, tipos de tecidos, roupa de cama | westwing.com.br

Cuidados básicos: 

Seja qual for a escolha do tecido, é essencial seguir alguns cuidados básicos na hora de lavar seu jogo de cama:

  • Não misturar tecidos diferentes na lavagem;
  • Ao lavar, separar por cores, a fim de preservar os tons originais por mais tempo;
  • Utilizar apenas sabão neutro e em pouca quantidade;
  • Secar à sombra, em local com boa ventilação;
  • Não torcer, para evitar marcas;
  • Tecidos mais delicados, como seda e cetim, não devem ir à máquina de lavar.
WestwingNow Loja de decoração, móveis e aparadores com objetos de decoração | WestwingNowPowered by Rock Convert

Vitória Torres

Já conhece o nosso App?

Baixe agora

Baixe agora
Offline