Westwing visita Jana Gutsche

Jana Gutsche

“Aos poucos, eu comecei a criar raízes aqui”, conta Jana Gutsche, Diretora Criativa da revista de moda alemã Freundin, sobre seu apartamento em Munique. Ao observar sua casa, é fácil entender o porquê: a decoração reflete seu estilo pessoal, com uma pegada masculina, descolada e cheia de detalhes inesperados. Depois de posar para alguns retratos, ela diz: “Eu sempre prefiro trabalhar atrás das câmeras…”

Um espaço construído a quatro mãos

Há quase cinco anos ela divide o espaço com seu namorado, Marlon Schuler, empresário do ramo de restaurantes. Clássicos móveis industriais, peças vintage selecionadas e souvenires trazidos das tantas expedições fotográficas decoram com um mix de estilos o apartamento de três quartos, que tem vista para o rio Isar e o Museu Alemão.

Detalhes da sala de estar de Jana Gutsche

 

“O apartamento tem uma energia muito boa! É ensolarado, tem um piso de estuco e madeira bem preservado – essencialmente o que você esperaria de um prédio antigo bem reformado. Quando estávamos escolhendo os móveis, nós intuitivamente optamos por cores escuras e harmoniosas. Nada aqui é inútil, tudo tem um objetivo prático, não só para decorar. Devido ao nosso trabalho, estamos expostos a muitas influências, então preferimos deixar as coisas leves em nosso apartamento. O nosso tempo aqui é dedicado para relaxar”.

Jana Gutsche

“De toda viagem, trazemos algo conosco, mesmo que seja pequeno, como os copos de Marraquexe ou os pratos do México”. A compra mais memorável que já fizeram? Um tapete que compraram em uma lojinha pequena no mercado local de Istambul e que, hoje, decora um dos quartos. “Na realidade, este quarto é do Marlon, onde ele e seus amigos passam o tempo. Eu acredito que é importante que ele tenha seu próprio espaço, mesmo que seja um pouco bagunçado – o que geralmente entra em conflito com as minhas manias de limpeza”

Neste lugar também se encontra muitos livros de mesa e guias de viagem, fotos de família, um bar com uma coleção quase completa de bebidas e, ainda, algum material de pintura.

O design industrial

Com suas cores escuras e um toque de design industrial, a sala também tem um ar de equilíbrio. Os sofás de couro dos anos 1970 foram um presente da mãe de Marlon, que os comprou em uma loja de artigos vintage: “Eles são a combinação perfeita”.

O baú, que costumava ficar em uma escola, e as luminárias antigas, que Jana planeja reformar em breve, também decoram o living. Essa combinação de peças únicas, dispostas de forma despretensiosa, faz toda a diferença para compor o ambiente. “Eu preciso trocar os fios destas luminárias, mas não estou certa se quero que elas sejam de uma cor neon ousada ou um básico preto. Provavelmente preto”.

Detalhes da sala de estar de Jana Gutsche
Detalhes do apartamento de Jana Gutsche
Detalhes da casa de Jana Gutsche

“Todas as peças de arte que possuímos têm uma conexão pessoal, o que se tornou importante para nós. Por exemplo, todas as fotos grandes são do pai de Marlon, que trabalhou como fotógrafo de moda nos anos 1980. As pinturas e figuras gráficas são, por outro lado, de amigos artistas, ilustradores ou mesmo feitas por nós”

Jana Gutsche
Detalhes do apartamento de Jana Gutsche

Prioridades

Simples e também com um toque industrial, o quarto de Jana combina linho cinza, uma mesa retrô – que ela comprou anos atrás em Berlim, por uma bagatela – e uma cadeira Eames. E o que esperar do guarda-roupa da Diretora Criativa que, junto a outros colegas, lidera o departamento fashion da Revista Freundin? “Infelizmente não tenho muito espaço para guardar coisas. É por isso que eu tenho uma regra: para cada peça que entra, uma tem que sair”.

Jana Gutsche
Detalhes do quarto de Jana Gutsche

“Quando fomos morar juntos, Marlon foi impiedoso – eu tive que me desfazer de muita coisa. No final, nosso apartamento é o resultado do que nós conseguimos concordar, mutuamente”.

Carolina Silveira

Já conhece o nosso App?

Baixe agora
Baixe agora