Design Italiano

Design Italiano

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraDesign Italiano

Certamente você já se deparou com certas peças ou até mesmo as admira, mas nunca se deu conta de que elas têm o célebre design italiano por traz de sua criação. Motivo de inspiração, referência internacional e agente de revoluções no mercado decorativo, o tema é marcado por muita elegância, criatividade e talento. Objetos, mobiliários e profissionais renomados também são responsáveis por revelar o design italiano ao mundo como sendo um dos mais importantes para o segmento.

Falar em design italiano é falar de projetos inventivos, muita inovação e acabamentos cheios de requinte, atributos percebidos em cada uma das criações nele baseadas. Sua história vincula-se ao desenvolvimento do desenho industrial, nascido em meio à crise econômica que acometeu a Itália nas décadas de 30 e 70. Apreciador do design italiano, o Westwing percorreu sua evolução e descobriu informações valiosas sobre este ícone da decoração. Confira e apaixone-se como a gente!

Design Italiano: Características e Valores

Com premiações, mostras e exposições a perder de vista, seja em seu país ou ao redor do mundo, o design italiano chegou há muitos anos para provar que originalidade é uma das características mais respeitadas quando o assunto é decoração. Assim, baseia-se na arte aplicada para criar suas marcas, distanciando-se cada vez mais da produção industrial como única ferramenta produtiva.

Umas das grandes causadoras do sucesso obtido até hoje pelo design italiano são as fábricas e indústrias espalhadas pela Itália, que se baseiam em uma visão artística para criarem seus produtos, sempre ousados e, inclusive, revolucionários. Sobretudo atualmente, em que o foco do design italiano é a busca por móveis, adornos e acessórios que tenham como pilar a exploração e invenção de elementos ainda inexistentes.

A História das Peças

Mobílias, artigos decorativos, utensílios, objetos cotidianos. Vários foram e continuam sendo os marcos do design italiano, criados em fases distintas e para propósitos específicos. Entre os anos 1940 e 1950, por exemplo, surgem itens como telefones e rádios simples e sem grandes detalhes. Já na década de 60 a preocupação era com a qualidade e sofisticação, nascendo no período utilidades domésticas arrojadas, bem como calculadoras e máquinas de escrever.

Mas foi nos anos 80 e 90 que o design italiano ganhou suas marcas mais contemporâneas e significativas, com produtos conquistando fama internacional. Tal popularidade incidiu graças às formas e cores fortes das criações, que geralmente apresentavam praticidade, tamanhos reduzidos, embalagens funcionais e um característico avanço tecnológico. No século XXI, o design italiano prioriza as matérias-primas sintéticas, o alumínio e artigos extremamente leves.

Os Grandes Símbolos do Design Italiano

Quanto aos ícones do design italiano, o mobiliário detém a maior parte de seus principais símbolos. Dentre os mais reconhecidos, estão a cadeira Superleggera; as poltronas Karelia, Fiorenza e Donna; a estante Eta; os pufes Sacco; o sofá Safari; e as cadeiras Seconda e Allunaggio, todos marcados por muita leveza, formas inusitadas e/ou acabamento modular.

Já os objetos e acessórios mais destacados do design italiano para o décor incluem os famosos porta-guarda-chuva e cinzeiro 4610; o abajur Bourgie; as luminárias Costanza, Treetops e Atollo; o pendente Arco; e os alegres e mimosos saca-rolhas Sacacorchos. Eletrodomésticos e portáteis, adornos, utensílios de cozinha e muitos outros móveis podem ser encontrados atualmente no Brasil e conferir uma atmosfera sofisticada e exclusiva ao lar.

Inspire-se com o design italiano e leve mais personalidade ao seu refúgio!

Próximas campanhas