Tipos de Jardim

Tipos de Jardim

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraTipos de Jardim

Não são poucas as sensações que um jardim causa! O perfume das flores agrada ao olfato, o canto dos pássaros cativa pela audição, o colorido que surge com a mistura de plantas e folhagens encantam o olhar e a delicadeza das mudas acaricia o tato. Quase todos os sentidos percebem as vantagens de se ter uma área verde em casa e que ainda conta com a escolha por variados tipos de jardim para a sua decoração.

De clássicos e românticos a exóticos e temáticos, os tipos de jardim existem para servir a qualquer gosto e estilo. Permitem que um espaço externo seja inventado ou transformado com seus toques especiais no paisagismo e as diferentes maneiras de cuidar da jardinagem. Deu vontade de ter ou renovar seu jardim? Então, inspire-se com o especial que o Westwing produziu sobre seus tipos e peculiaridades.

OS TIPOS DE JARDIM E SUAS CARACTERÍSTICAS

Antes de escolher entre os tipos de jardim, a dica é fazer uma avaliação quanto às dimensões da área externa, aos estilos que você pretende adotar para o jardim, preferências e necessidades, itens que já dispõe para a decoração, tempo e cuidado que terá para a manutenção das plantas, e funcionalidade dos espaços.

Clássico: o que mais caracteriza os tipos de jardim clássico são suas linhas geométricas e formais, tradicionais do paisagismo francês e italiano – neste último, a diferença é a presença de plantas frutíferas. As podas são desenhadas em formatos de retângulos, círculos e losangos que, combinados entre si, criam um belo efeito, como se os contornos fossem feitos à mão.

Inglês: tipos de jardim como esse comportam grandes flores, folhagens e arbustos, sem regras e influências, com a intenção de fazer o jardim parecer um bosque e o mais natural possível. Suas linhas são curvas e as plantas mais indicadas são as rasteiras ou que exigem pouca manutenção; como a lavanda, jasmim, tulipa, agapanto e hortênsia.

Colonial: tipos de jardim como esse também são conhecidos como jardim rural. Como o próprio nome explica, sua principal característica é o uso de objetos decorativos antigos, como os encontrados em fazendas coloniais, o que atribui um estilo vitoriano. A decoração de um jardim colonial é basicamente feita com espécies nativas, cascalhos, seixos, bancos e lagos.

Romântico: suas linhas sinuosas incorporam a esses tipos de jardim uma nova adaptação paisagística, ou seja, melhora ou transforma a natureza ao redor, geralmente com flores bem coloridas e delicadas, caminhos, fonte e espaço para descanso.

Rústico ou desértico: são tipos de jardim excelentes por não consumirem muita água e se encaixarem com perfeição em varandas. Seus cactos e suculentas dão um clima árido e ficam lindos se misturados com areia e pedras. TIPOS DE JARDIM

Contemporâneo: as formas retas dos tipos de jardim contemporâneos têm por objetivo criar a sensação de prazer e conforto, uma vez que a elas se misturam artigos nobres e que possibilitam o repouso com um décor moderno: ofurôs, piscinas e decks com chão liso, além de plantas estruturais.

Tropical: plantas e folhas volumosas, que fazem o jardim se parecer com verdadeiras florestas, dão o tom a esses tipos de jardim. Cores vivas e espécies de formas esculturais, como palmeiras, orquídeas, bromélias e dracenas são as mais apropriadas.

TIPOS DE JARDIM RAROS… E BELOS!

Assim como os que já estamos acostumados a ver, existem tipos de jardim incomuns e que apresentam singularidades curiosas, mas que também adornam o exterior de uma casa conferindo conforto com muito capricho e criatividade.

Oriental ou minijardim: os bonsais são os elementos que dão forma e graça a um jardim oriental, principalmente se a espécie for a cerejeira. Lanternas japonesas e um laguinho com carpas fazem destes tipos de jardim um local ainda mais agradável e perfeito para meditar.

Jardim sombra: esses tipos de jardim existem para abrigar espécies que não se adaptam à luz solar ou mesmo para relaxar sob uma área fresca. Muito verde, com folhagens, e toque de cor com azaleias e brincos de princesa deixam um jardim sombra elegante e convidativo.

Aquático: baseado nos criadouros de peixes, é um dos tipos de jardim que dão mais vida e aconchego ao ambiente. Pode ser criado em lagos ou espelhos d’água; pedras, fontes e peixes ornamentais levam mais alegria e vitalidade a um jardim aquático.

Próximas campanhas