Sagrada Família

Sagrada Família

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraSagrada Família

Se você sonha ou já pensou em conhecer Barcelona, não pode deixar de visitar o Templo da Sagrada Família. Assim como não podemos viajar para Paris e não ver a Torre Eiffel ou para o Rio de Janeiro e deixar de ver o Cristo Redentor, a Sagrada Família, sem dúvida, é um ponto imperdível para turistar, pois foi fundamental para o contexto histórico da cidade, na concepção arquitetônica e a sua simbologia. A Sagrada Família é o monumento mais visitado na Espanha, assim como Alhambra e o Museu do Prado - e isso não é a toa.

Por isso, se você está planejando a sua viagem para Barcelona ou quer saber mais sobre essa sublime paróquia, não deixe de ler aqui tudo sobre o contexto histórico da Sagrada família que o Westwing separou especialmente para você. Desta forma, sua viagem ganhará ainda mais significado, valor cultural e claro, algumas sugestões para facilitar a sua vida na hora da visita.

Sagrada Família: História da Construção

A história da Sagrada Família aconteceu no ano de 1886, quando foi fundada a Associação Espiritual de Devotos a São José por, Josep Maria Bocabella. O terreno era de 12.800m² e foi comprado com muitas doações, em 1881, para construir o tempo da Sagrada Família. Sua arquitetura é com base neogótica e foi iniciado por uma cripta e, logo depois, o arquiteto Francisco de Paula Del Villar y Lozano abandonou o projeto.

Depois disso, em 1883, com Antoni Gaudí, o trabalho foi retomado e seguia firme. Logo depois, o templo da Sagrada Família recebeu uma doação anônima altíssima e com isso conseguiram acelerar muito o processo que contava com grandes ideias e planos que, com dinheiro em mãos, ganhou uma dimensão ainda maior. Gaudí decidiu abandonar o estilo neogótico e decidiu construir uma igreja grandiosa, com torres altas e com símbolos e imagens religiosas.

Sagrada Família: Símbolo de Fé

Gaudí montou uma oficina ao lado do templo e estava super engajado neste projeto. O arquiteto estava ciente de que a construção seria a longo prazo e que, por estar velho, não conseguiria finalizá-la. As obras estavam mais lentas, mas Gaudí não desistia do projeto do tempo da Sagrada Família, apenas dizia que “o que há de conservar sempre é o espírito da obra, mas sua vida deve depender das gerações que lhe transmitam e com as que a vivam e a encarnem”.

Então, na Guerra Civil Espanhola, ocorreu um incêndio por revolucionários que queimaram desenhos e maquetes. Porém, ainda assim, a construção continua firme e forme e procurando respeitar as ideias originais do falecido arquiteto.

Antoni Gaudí foi renomado e é muito reconhecido na arquitetura do mundo inteiro. A construção começou em 1882, mas não tem ainda um fim previsto e, atualmente, conta com o arquiteto, Jordi Faulí Oller. A Sagrada Família, quando terminada, contará com mais 18 torres além do seu projeto inicial.

Nas próprias palavras de Gaudí, a Sagrada Família é “uma obra que está nas mãos de Deus e na vontade do povo”. Atualmente, a perspectiva de término da Sagrada Família está para 2028. Se você pensa em visitar o templo da Sagrada Família e quer evitar filas, compre o seu ingresso pela internet e leve ele impresso na hora da visitação. No entanto, não deixe de visitar essa obra arquitetônica magnífica e repleta de fé no seu contexto e história.

O que achou do nosso conteúdo sobre Sagrada Família? Aqui no Westwing você sempre encontra informações sobre o mundo da arquitetura, artes, casa e decoração. Tudo pensado e elaborado especialmente para te inspirar na composição do seu lar com estilo, personalidade e beleza.

Venha fazer parte deste que é o maior clube de compras de decoração do Brasil! Cadastre-se gratuitamente e passe a aproveitar os benefícios de ser um sócio Westwing! Aqui você conta com voucher de R$20 para a primeira compra, descontos de até 70% para as próximas e parcelamento em 6x sem juros!

Westwing: o Extraordinário Mundo da Sua Casa!

Próximas campanhas