Ramequim

Ramequim

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraRamequim

Vai produzir um jantar em casa e quer mostrar a todos os seus dotes culinários? Não esqueça de pensar também na organização e decoração da mesa – afinal, uma boa apresentação dos pratos faz toda a diferença na hora da degustação. Dentre os itens que auxiliam na apresentação está o ramequim, um recipiente geralmente feito de cerâmica e que é utilizado para servir guarnições, entradas, molhos e até sobremesas.

O nome ramequim é compartilhado com o nome de um prato francês à base de queijo, ovos e pão. Para que o ramequim seja protagonista na decoração da sua mesa, o Westwing separou algumas dicas para te ajudar a escolher o melhor kit para o jantar da sua casa. Confira dicas e muito mais sobre as principais tendências de casa e decoração, além de produtos selecionados pela nossa diretora de estilo Alexandra Tobler.

Como Escolher o Ramequim

Muito usado para servir o creme brûléee de suflês, o ramequim é feito de porcelana e tem como principal característica a sua resistência a altas temperaturas – chegando a suportar a mais de 350°C. Seu formato mais tradicional é a versão canelada, mas ele pode ser encontrado nas mais diversas formas.
A escolha do seu ramequim pode variar de acordo com o prato que você deseja preparar. Para o suflê, por exemplo, o ramequim precisa ter uma relação de 1,9x entre a altura e o diâmetro para que ele possa crescer uniforme. Já para o Crème brûlée, o ideal é o diâmetro seja muito maior que a altura, para garantir uma maior superfície e uma casquinha crocante ainda mais gostosa.

Ramequim

Decore a sua Mesa com o Ramequim

Para compor uma mesa com estilo, é possível fugir do ramequim tradicional branco e optar por modelos de cores, formatos e estampas diferentes. Se for uma festa mais informal, vale apostar em estampas e até desenhos na louça – agora se o evento precisar de uma seriedade de sobriedade, use cores lisas ou opte pelo branco mesmo. Uma regra básica que deve ser seguida é fazer com que o estio do ramequim escolhido combine com o restante da louça a ser utilizada. Assim, nenhum detalhe destoa e o resultado fica ainda mais impecável.
Vale também usar o ramequim para servir a salda de entrada ou até a sobremesa – um mousse, um brigadeiro, um pavê ou até uma super bola de sorvete. Usar a criatividade também é um jeito de ser sofisticado e exclusivo.
Se você quiser dar um toque de criatividade e descontração para o seu evento, o ramequim pode ter um outro uso, como por exemplo marcar lugares. Escreva o nome de cada um no fundo do ramequim, usando giz de cera ou de lousa. Dá também para criar arranjos de mesa, com fotos ou flores e até fazê-lo de porta açúcar e adoçante. Nesse caso, vale investir em um ramequim com estilo, para agregar mais valor a sua participação.
Para não errar, pense que a comida deve aguçar os cinco sentidos: o paladar, o olfato, o tato e a visão – portanto a apresentação da mesa é fundamental para que a experiência gastronômica seja um verdadeiro sucesso.

Próximas campanhas