Murano

Murano

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraMurano

Murano é um arquipélago italiano que se localiza próximo de Veneza. A região ficou mundialmente famosa por causa dos seus objetos de vidro, produzidos de forma artesanal detalhada e artística. O vidro de Murano é feito com uma técnica que confere beleza, exclusividade, criatividade e leveza às peças, que são produzidas há mais de 800 anos.

Feito por artesãos a partir de movimentos manuais e de sopro, o vidro possui detalhes surpreendentes que podem trazer muito requinte para o seu décor. Seja em cinzeiros, vasos, luminárias, pesos de papel ou bowls, esses materiais cheios de brilho e transparência são dos mais suntuosos para a decoração de um espaço. O Westwing te convida a viajar para as ilhas de Murano e conhecer as belas peças que seu vidro pode produzir, além de te contar tudo sobre a história que cada peça dessas carrega.

História do Murano

Em 1291, os artesãos que fabricavam murano foram confinados nas ilhas homônimas para guardar o segredo da confecção das peças. Na época, esses objetos eram fundamentais para a economia do país e, por isso, a forma em que eram feitos deveria ser secreta. Na região, os vidros são produzidos com areia do Mar Adriático, que fica próximo a Veneza.
Os cristais de murano são tratados em vidro de sílica. As matérias-primas sólidas são primeiramente colocadas em um forno aquecido, formando uma massa incandescente. Esses produtos são trabalhados por vidreiros em uma temperatura em torno de 1250 graus. Dependendo da complexidade, o processo de fundição até a finalização leva de três dias até um ano.
Deles originam os Murrines, que são hastes finas de vidro colorido. Eles se fundem, chegando a algo que os italianos chamam de mil flores, de onde vem uma variedade de estampas florais e formas geométricas. Essas varas estão presentes em vasos e bacias desde a Roma Antiga. Acredita-se que as origens do murano datam do século IX, na Itália, com influências muçulmanas e asiáticas.
Os artigos em vidro de murano têm a sua fabricação muito parecida há muitos anos, sem passar por grandes intervenções tecnológicas. A técnica utilizada para a confecção é totalmente artesanal: os profissionais esculpem as peças manualmente e com sopro, com uma habilidade artística delicada. No Brasil, o murano é fabricado desde 1958 por descendentes de italianos.
O murano aparece em pingentes, brincos, colares e anéis. Porém, são nas peças maiores, geralmente decorativas, que os detalhes do vidro se destacam.

Como decorar com Murano

O vidro de murano é matéria-prima para diversos objetos decorativos, como vasos, cinzeiros, centros de mesa, entre outros. Por existir em diferentes cores, o material é versátil e pode ser usado para decorar casas de diversos estilos. A escolha da peça, estilo e tons pode variar de acordo com o perfil da pessoa e o estilo da casa.
Independente do estilo que o seu lar tenha é indicado que uma peça tão delicada de rica em detalhes tenha lugar de destaque com iluminação adequada. Tente colocar o produto no centro de uma mesa, para que possa ser observada todas as suas nuances.
Uma boa ideia é misturar diversas peças de murano, como se fosse uma coleção particular de arte. O colorido dos vasos é um coringa na decoração e faz um efeito muito bonito em locais com luz natural. É possível ainda combinar os vasos com flores coloridas. Para os que não querem arriscar em tons ousados, vale apostar em Murano com cores neutras, como branco, preto e cinza.
Leve um pouco de história e sofisticação para a sua casa. Use peças em vidro de Murano e confira o efeito elegante que ele traz na decoração.

Próximas campanhas