Jean Gillon

Jean Gillon

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraJean Gillon

Nascido na Romênia, Jean Gillon marcou a história da tapeçaria e do design brasileiro de móveis com o trabalho que desenvolveu em terras tupiniquins. Formado em Belas Artes e em arquitetura, Gillon desembarcou no Brasil em 1956 devido à boa fase do segmento que arquitetura atravessava por aqui. Sua atuação pode ter sido marcada por estas duas áreas, mas ela compreende outros campos como: pintura, gravura, cenografia, escultura.

Entre os trabalhos do Jean para o segmento mobiliário podemos destacar a Poltrona Jangada, móvel marcado pelo uso do náilon em sua composição e originalidade em seu visual. Fora esta mobília, Gillon trilhou um vasto caminho no campo de tapeçaria no Brasil. Em sua história, ele participou de mais de 80 exposições e eventos de arte no país, sendo que 60 destes referem-se a mostras de tapeçaria. Conheça um pouco mais sobre o trabalho de Jean Gillon, seu perfil e trajetória aqui no Westwing!

Sua história no Brasil

Jean Gillon nasceu na Romênia em 1919 e desembarcou no Brasil em 1956 após se formar em belas artes e arquitetura no país de origem. Sua vinda para as terras tupiniquins foi motivada pela boa fase que o mercado de arquitetura passava por aqui. Anos mais tarde, em 1961, Jean Gillon abriu a própria empresa para fabricar móveis, a Cidam, companhia que passou a se chamar WoodArt. Além dessa marca, Italma e a Probel produziam projetos assinados pelo arquiteto.

Além dos móveis, Jean Gillon atuou no Brasil com o trabalho que desenvolveu para o campo de tapeçaria, peças sempre muito marcadas por cores fortes e desenhos representativos da cultura, clima, flora e fauna nacional. Apenas para se ter uma ideia, das 80 exposições realizadas no mundo que contaram com a participação do Jean Gillon, 60 relacionavam-se ao mercado de tapeçaria.

O trabalho do arquiteto

A Poltrona Jangada, cadeira marcada pelo uso do náilon em sua composição, e com assento que lembra o visual de uma rede é umas das peças mais marcantes na lista de móveis assinados pelo arquiteto Jean Gillon. Outras mobílias e assentos compõem o legado do profissional no país, mas esta poltrona é considerada uma de suas principais obras no setor mobiliário.

No campo de tapeçarias há grandes produtos desenhados e apresentados pelo arquiteto Jean Gillon para o mercado de casa e decoração. Em todos eles faz-se presente o uso de cores vivas e ilustrações que representam um pouco o clima, cultura, flora e fauna do Brasil.

Jean Gillon no décor

Recorrer às obras desenhadas por Jean Gillon para decorar qualquer composição é um bom caminho para montar cenários marcados por simplicidade, estilo e muito colorido, este último item proporcionado pelas tapeçarias. Suas peças são excelentes para espaços que privilegiam bom gosto, elegância e conforto.

Também são ótimos para levar um pouco de brasilidade a decoração e deixar cada ambiente com a cara do país. A Poltrona Jangada, por exemplo, é um ótimo móvel para dispor tanto em espaços internos, como a sala de estar, quanto ambientes do lado de fora, a exemplo da varanda.

Próximas campanhas