Iluminação de Loft

Iluminação de Loft

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraIluminação de Loft

O conceito de loft foi criado pelo arquiteto francês Le Corbusier na década de 1920, mas só começou a ganhar certa força em Nova York na década de 1970, quando velhos galpões e armazéns se tornaram moradias. Geralmente os lofts são considerados espaços abertos, que costumam não ter divisórias entre os cômodos, com pé direito alto, grandes janelas, com mezaninos de madeira ou ferro e que, por serem antigas fábricas, normalmente tinham acabamento rústico de tijolos nas paredes, elevadores de carga e tubulações aparentes. Esse estilo de moradia começou a ficar muito popular nos últimos anos, repercutindo na arquitetura de todos os países.

Parte de extrema importância num loft é sua iluminação, que deve proporcionar luz a um espaço grande e ainda fazer as vezes de dividi-lo ele em "cômodos". Quer saber quais os melhores tipos de iluminação de loft? O Westwing preparou dicas e  te ensina como adaptar acessórios de iluminação desse ambiente para outros espaços da sua casa. Confira e aproveite nossas ideias para renovar e inovar na decoração do seu lar.

Projeto de iluminação de loft

Um dos detalhes mais importantes da casa é a iluminação. No caso da iluminação de loft, o que mais ajuda é o tamanho das janelas. Por não ter divisórias, a luz natural vinda das janelas core livremente por todo o espaço, sendo o ponto mais importante da iluminação de loft. Mas quando escurece, as lâmpadas se tornam de extrema importância, por isso precisam ser eficientes, para que iluminem um espaço maior de forma econômica.

Se o teto for de laje nervurada, formando células, prender um trilho que corre pelas nervuras é o primeiro ponto para se fazer a iluminação de loft ideal. Depois é só prender spots de led ao longo do trilho, nos lugares de maior necessidade, como nas regiões destinadas à sala, mesa de jantar, cozinha, de forma que separe os espaços. Esse processo pode ser feito em tetos lisos também. O bom da iluminação de loft com spots é que você pode virá-los paras as áreas que deseja maior iluminação.

Tipos de iluminação

A iluminação de loft é muito importante para demarcar os cômodos, já que esse tipo de locação não possui divisórias.

Luzes embutidas atrás de móveis e painéis chamam atenção para itens específicos nas paredes como quadros e obras de arte. Luminárias de chão diminuem a impressão de altura do cômodo e dão sensação de aconchego, sendo ideal para ser colocadas na sala ou nos quartos.

Luminárias de teto grande também costumam demarcar bem os espaços, como ao colocar uma acima da mesa de jantar, na região da sala, na região da cozinha. O único cuidado que deve ser tomado é para que não fique exagerado. Por isso, escolha opções mais simples, mesmo que grandes, para que as luminárias não briguem entre si.  Uma alternativa  é colocar todas as luminárias ou lustres iguais, seguindo o mesmo modelo ou estilo.

Próximas campanhas