Iluminação de Casa

Iluminação de Casa

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraIluminação de Casa

Quando se trata de iluminação de casa, muitas dúvidas podem surgir. Onde colocar a lâmpada mais adequada? Qual a quantidade de luz necessária para cada cômodo? Como conciliar beleza, técnica e arte? Enfim, ambientes aconchegantes exigem boa iluminação de casa e ela tem de ser pensada considerando conforto, qualidade e bem-estar. Para tanto, dispor apenas lâmpadas amarelas ou brancas em toda a casa pode não ser tão vantajoso e agradável.

Solucionando isso, atualmente existem projetos luminotécnicos, que são feitos para auxiliar no momento de iluminar os ambientes da casa. A luminotecnia consiste no processo de utilizar luz artificial para clarear espaços externos e internos. A fim de proporcionar funcionalidade e economia de energia elétrica, os projetos luminotécnicos aliam toda a arte da iluminação de casa com as práticas perfeitas para garantir excelência na qualidade da luz. Aprenda tudo sobre iluminação de casa com as dicas do Westwing!

 

Iluminação de casa: áreas internas

Para que todas as dúvidas e hesitações acerca da iluminação de casa desapareçam, preparamos uma espécie de guia que não vai apenas clarear seus cômodos, mas também suas ideias. Confira!

  • Hall de entrada

Na iluminação de casa para hall de entrada, a luz pode mudar totalmente seu aspecto. Para ele, a dica é usar iluminação indireta, como luminárias de chão ou, dependendo do tamanho do espaço, abajures. Aposte também em lâmpadas de efeito amarelado (2.700K), que dão certa sensação de conforto a quem entra.

  • Corredores

Em locais como corredores e escadas, uma opção pode é o uso de luminárias balizadoras. A temperatura de cor ideal é 4.500K, que corresponde a uma cor entre o branco frio e o amarelo.

  • Quarto

Na iluminação de casa para quartos, que são áreas mais destinadas ao descanso, a cor amarela (2.700K) é a mais indicada. Formas de lustre ou plafon são sugestões também, além de abajures e luminárias articuladas.

  • Banheiro

Neste tipo de iluminação de casa, a preocupação tem que estar voltada à questão da umidade para não sufocar lâmpadas com mais de 15W em luminárias fechadas. Procure colocar uma luz boa, vinda de spots ou arandelas no espelho. Elas vão facilitar na hora de se maquiar ou de fazer a barba. A lâmpada halógena com IRC 100 também pode ser uma opção.

  • Sala de estar ou de TV

Independentemente de ser uma sala para receber convidados, para descanso ou para ver TV, as sugestões de iluminação de casa seguem a mesma linha. Opte por lâmpadas mais amareladas (2.700K). As lâmpadas mais frias podem esquentar o ambiente mais do que o desejado. Além disso, iluminação natural e iluminação indireta são ótimas sugestões de iluminação de casa para salas. Mas preste atenção na direção da luz: dependendo de onde estiver, pode incomodar ou atrapalhar na hora de ver aquele filminho.

  • Cozinha e sala de jantar

Na iluminação de casa para cozinhas, a luz é fundamental. Portanto, aposte nas lâmpadas frias e spots sobre a bancada. Sobre a mesa, lustres e luminárias alteram com sofisticação toda a área. No entanto, deixe os pendentes com cerca de 60 cm de distância da superfície do móvel. Além disso, a lâmpada mais indicada para esta área é de cor amarela (2.700K) – ela não esquenta tanto e conforta mais.

Iluminação de casa: áreas externas

No caso da iluminação de casa para áreas externas, não há muito segredo. Os que existem, compartilhamos com você:

  • Fachada

Na hora de escolhermos a iluminação da fachada da casa, temos que levar em conta a existência de pontos escuros no portão. Caso haja, a dica é colocar refletores ou spots. Estes, além da confiança, criam ainda um efeito decorativo que acaba transferido para o restante da casa. Refletores de LED são opções também.

  • Varanda, jardim ou churrasqueira

Nestes espaços externos, a iluminação de casa pode ser mais diferente e alegre. Aposte em spots no chão, postes com luminárias e lâmpadas coloridas. Você pode explorar também luminárias japonesas, cordões com lâmpadas menores e até velas. Basta soltar a criatividade!

No entanto, procure considerar produtos resistentes à chuva e ao vento. No caso dos jardins, evite deixar as lâmpadas próximas às plantas.

Ilumine sua casa e sua vida com inspiração!

Próximas campanhas