Cortina Vermelha

Cortina Vermelha

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraCortina Vermelha

A cortina tem a função de diminuir a luminosidade no ambiente e garantir nossa privacidade, mas também pode ser o destaque da decoração de sua casa! Definitivamente ela não é mais um pano bonito usado pra cobrir a janela, a tendência agora é fazer combinações que a gente nem imaginava antes. É possível encontrar no mercado vários modelos e cores, cada um para um tipo de espaço, sendo que um que tem se destacado ultimamente é a cortina vermelha.

A cortina vermelha é uma das mais cobiçadas e são ideais para composições modernas em qualquer ambiente de sua casa. Elas aquecem o espaço, transmitindo vitalidade, paixão e poder, porém mantendo um toque de sofisticação e personalidade inconfundíveis. No Westwing você encontra as melhores dicas e pecas para dar uma nova cara o seu lar e deixa-lo aconchegante e cheio de atitude independendo do seu gosto.

A Cortina Vermelha no Ambiente

A cortina vermelha é facilmente associada ao teatro, cinema e grandes espetáculos, e em sua casa pode ser responsável por dar um show de decoração. Ela pode ser usada em qualquer ambiente, porem é precisos tomar alguns cuidados.

Modelos curtos de cortina vermelha, aqueles que descem até apenas a meia altura da parede, são indicados para ambientes mais particulares e descontraídos, como cozinha, banheiro e quartos infantis. As cortinas longas, até o chão, são mais elegantes, porém mais pesadas, e combinam mais com salas de estar, jantar e escritórios. Nesse cômodos também a cortina vermelha não deve bloquear totalmente a entrada de luz solar, portanto opte por materiais mais leves e transparentes, de preferência.

Materiais

A cortina vermelha pode ser encontrada em muitos materiais. A grande maioria são em tecido, porém, com alguma dificuldade, é possível adquirir modelos de persianas em madeira, alumínio ou PVC vermelhos.

Na sala, onde os tecidos devem ser mais leves e transparentes, a cortina vermelha pode ser de voal, microfibra, seda, renda ou cambraia. No quarto e áreas que pedem materiais mais pesados que bloqueiem totalmente a luz, os modelos blackout, ou tecidos como camurça, lona, brim, seda rústica ou linho puro são melhores.

Caso seja difícil encontrar o tecido ideal para cada ambiente, você pode combinar a cortina vermelha em material pesado com outra leve em cor neutra como branco ou areia, usando o vermelho como uma espécie de moldura para o branco. Atualmente também esta na moda combinar cortinas com persianas, dando as primeiras um caráter puramente decorativo.

Combinando

Como a cortina vermelha chama muita atenção para si mesma, é necessário que a decoração do resto do cômodo seja mais neutra e limpa, para evitar excesso de informação e, consequentemente, cansar muito rápido. Utilizar peças em tons claros ou tons de madeira são a melhor escolha. Estampas em móveis ou nas paredes podem ser utilizadas, mas com cuidado. Mantenha-as dentro da cores que conversem bem com o vermelho, como branco, preto, tons avermelhados, dourado e prateado.

A cortina vermelha com certeza vai dor o tom de toda a sua decoração, portanto use-a com bom senso e lembre-se da importância de manter o ambiente uniforme e sofisticado.

Próximas campanhas