Cestos Indígenas

Cestos Indígenas

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraCestos Indígenas

O artesanato indígena está arraigado na cultura brasileira. Com tantos anos de história e tradição não poderia ser diferente. Os índios produzem até hoje diversas peças artesanais que são bastante procuradas para a decoração de lares por causa de seu aspecto meticuloso, único e bem trabalhado. Uma peça do artesanato indígena no décor provoca um contato maior com a natureza devido aos materiais naturais que são utilizados em sua fabricação.

Sendo assim, são objetos que transferem aos cômodos um toque rústico e personalizado, tornando-os mais autênticos. Então, para agregar ainda mais valor a essa composição, a sugestão do Westwing é apostar em cestos indígenas. Eles, além de terem bastante funcionalidade, vão ser o grande destaque do ambiente. Por isso, continue a leitura deste material e veja o que selecionamos especialmente para você sobre os cestos indígenas. Eles vão te conquistar!

A História dos Cestos Indígenas

Quando se pensa em peças de artesanato os cestos indígenas são uma das primeiras lembradas. E isso não é à toa: os cestos indígenas são produzidos por diversas de suas etnias há muito tempo e cada uma delas tem um jeito próprio de fazer o trançado, o que gera um aspecto bastante único e pessoal ao produto. Cada detalhe revela um pouco da cultura daquele determinado povo.

Os cestos indígenas são confeccionados para realizar as mais diversas finalidades nas tribos. Para auxiliar na cozinha, por exemplo, os cestos indígenas servem como coador para líquidos ou peneira para farinhas. Eles também armazenam frutos, pescados e alimentos básicos de sua dieta, como a mandioca.

Ao contrário do que se pensa, em algumas tribos os cestos indígenas são fabricados pelos homens, mas quem costuma utiliza-los são as mulheres. Em outras o trabalho é igualmente dividido.

Cestos Indígenas na Decoração

Os cestos indígenas são peças perfeitas para quem estava procurando por um detalhe que deixasse a decoração com estilo rústico ou estilo étnico. Como é possível encontrar diversos modelos de cestos indígenas, você consegue achar aquele que mais se encaixa no propósito do seu décor.

Para colocar na sala de TV ou na sala de espera, um dos modelos de cestos indígenas que vai garantir personalidade ao cômodo é o que possui tampa, boa profundidade e formato retangular, ideal para colocar revistas, livros e jornais dentro da peça. Esses tipos de cestos indígenas também podem fazer parte da composição do quarto infantil por duas razões: a primeira é que eles servem para guardar os brinquedos das crianças; já a segunda é pelo fato de que como são feitos de fibras naturais não despertarão qualquer tipo de alergia ou irritação.

Os cestos indígenas com modelagem mais comprida e profunda, e que também possuem tampas, podem surgir na decoração como peças para armazenar roupas de cama e banho, ou ainda como cesto de roupa suja.

De qualquer forma, os cestos indígenas não precisam ser “pretexto” para guardar outros produtos. Eles podem aparecer no décor sozinhos, como peças únicas, pois seu trabalho refinado se destaca em qualquer tipo de ambiente. Coloque os cestos indígenas sobre mesas, aparadores e estantes e veja o visual incrível que ele proporciona ao espaço.

Se além de cestos indígenas você quer descobrir outras técnicas de artesanato dessa cultura, continue navegando pelo nosso site e encontre tudo isso e muito mais.

Westwing: o Extraordinário Mundo da sua Casa

Próximas campanhas