Arte Asteca

Arte Asteca

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraArte Asteca

Todo bom latino-americano já ouviu falar dos povos pré-colombianos, ou seja, aqueles que habitavam a região antes da chegada das naus de Cristóvão Colombo. Um dos mais conhecidos são os astecas, índios que ficavam localizados onde hoje é o México. Tal fama não é à toa. Diversas áreas do saber foram desenvolvidas de forma notável e criativa pelos astecas. Entre elas pode-se destacar a linguagem, a medicina e, principalmente, a arte.

A arte asteca chama a atenção à primeira vista por seus templos e palácios, que eram construídos e mantidos através do trabalho de arquitetos e artesãos. Porém, suas esculturas, pinturas, músicas e danças também são expressões artísticas para se admirar até os dias atuais. Sabendo da importância que a arte asteca tem para o mundo, o Westwing trouxe especialmente para você um material sobre o assunto. Navegue conosco e descubra os encantos da arte asteca.

A Escultura na Arte Asteca

As esculturas são um dos principais pontos de referência quando se fala em arte asteca. Elas eram feitas em diversos tamanhos, variando de acordo com a importância do que era retratado. Assim, quanto maior a escultura, mais importante era seu significado.

O tema das obras representava, normalmente, aspectos da natureza, religiosos e do cotidiano. Era comum que divindades, corpos humanos, animais e elementos considerados sagrados, como o sol, fossem concebidos nesse tipo de arte asteca.

Como este povo era muito guerreiro, é bastante comum notar em algumas esculturas traços mais fortes e violentos. Entretanto, alguns deuses eram esculpidos de maneira mais delicada, como é o caso de Quetzalcoatl que, conforme a crença, protegia as artes e as ciências.

As peças eram produzidas com madeira e pedras, sendo que algumas delas eram preciosas e davam um maior detalhamento à obra.

Relação entre Pintura e Arte Asteca

A pintura é outro componente importante na arte asteca. Ela servia para colorir algumas esculturas através da tinta extraída de elementos da natureza. As cores não variavam muito, mas eram sempre quentes e vibrantes e vinham acompanhadas de contornos pretos a fim de enfatizar a forma do que estava sendo retrato ali.

A pintura na arte asteca também era utilizada para estilizar produtos de cerâmica, como jarras e potes, além de decorar os templos e palácios. Porém, um de seus usos mais comuns está atrelado à escrita, que era realizada através de símbolos e desenhos, lembrando a escrita egípcia.

A Arte Musical no Reino Asteca

A música fazia parte do dia a dia desse povo pré-colombiano principalmente em atividades de cunho religioso, como casamentos, funerais e sacrifícios, mas também eram comuns em eventos políticos. Tais eventos costumam ocorrer nos grandes templos.

Os instrumentos musicais na arte asteca eram fabricados com madeira, chifres de animais e cascos de tartaruga.

Adornos e Acessórios na Arte Asteca

Engana-se quem pensa que a utilização de acessórios para se enfeitar é um recurso moderno e recente. Os astecas já faziam uso disso e adoravam empregar plumas nos adornos feitos para as figuras nobres de sua sociedade.

Encontra-se na arte asteca, inclusive, boas técnicas têxteis, pois eles produziam roupas e mantas por meio de fibras de sisal.

A arte asteca surpreende desde os estudiosos até os simples curiosos. Descubra outras culturas e tradições no site do Westwing.

Próximas campanhas