Argamassa

Argamassa

Compartilhe

WESTWING NA MÍDIA:
Quer saber mais? Leia nosso guia!

Guia Westwing paraArgamassa

Já reparou como o momento de fazer uma obra, seja ela uma reforma ou a construção da casa, é cheio de descobertas? É quando passamos a precisar conhecer uma série de materiais de construção que são tão importantes para que o resultado final fique impecável! Um dos itens mais necessários para quem vai construir ou reformar é a argamassa, um material que tem múltiplas funções em qualquer obra! A argamassa é usada tanto na área interna como externa, desde o assentamento de pisos, azulejos e revestimentos até a estrutura das paredes da casa.

O Westwing sabe que não é fácil aprender tudo sobre materiais de construção da noite para o dia. Por isso, preparamos uma série de informações sobre o uso da argamassa para facilitar a sua próxima visita à loja de materiais de construção! Com essas dicas, você vai ficar inspirada a tirar os seus projetos do papel!

Múltiplas funções

A argamassa colante industrializada é um composto de cimento Portland, agregados minerais e químicos. Em contato com a água, ela se torna uma massa viscosa e aderente. A argamassa pode assumir várias funções numa obra. O mais conhecido é o uso para assentamento de pisos, tijolos e blocos, azulejos, ladrilhos, cerâmica e tacos de madeira.

Além disso, a argamassa também é usada para regularizar superfícies de paredes e pisos – tapando buracos, nivelando ou eliminando ondulações, e também pode ser usada para dar acabamento às superfícies.

Como escolher a Argamassa?

A versatilidade da argamassa não significa que você pode comprar o mesmo produto para cada uso. A argamassa é vendida em três tipos, AC-I, AC-II e AC-III. Apesar de todas serem compostas de cimento e agregados químicos e minerais, a diferença entre os tipos de argamassa é a proporção de cada componente – o que interfere na aderência e na retenção de água.

Tipos de Argamassa

A argamassa do tipo AC-I é a mais indicada para o assentamento de revestimentos cerâmicos em pisos e paredes. Ela é usada em ambientes internos e térreos. A argamassa do tipo AC-1 pode ser utilizada para assentar pisos e azulejos de banheiros, cozinhas e área de serviço, por ser resistente à ação da água.

Já a argamassa do tipo AC-II é mais resistente às variações de temperatura, umidade e vento. Por isso, ela pode ser aplicada em ambientes internos, como pisos, paredes e lajes, ou externos, como as fachadas, piscinas de água fria e para o assentamento de pisos cerâmicos industriais ou de áreas públicas.

Finalmente, a argamassa do tipo AC-III é a mais aderente das três – e, por isso, a mais cara. Ela é indicada para o assentamento de porcelanatos e de revestimentos cerâmicos em ambientes suscetíveis a grandes variações de temperatura, como piscinas de água quente, churrasqueiras e saunas. Esse também é o tipo de argamassa indicado para o assentamento de grandes placas (superiores a 0,6×0,6m).

Segurança em Primeiro Lugar

A fórmula da argamassa industrializada é regulamentada por uma norma, a NBR 14081, que garante a qualidade e a procedência dos produtos. Na hora de comprar, fique de olho no rótulo e confira se o fabricante segue as normas da indústria. Afinal, um material tão importante nas construções precisa ser de origem garantida, não é mesmo?

Próximas campanhas